[Resenha] Não fale com estranhos: Livro x Série

em 24 de jun. de 2020

Título: Não fale com estranhos
Autor: Harlan Coben
Editora: Arqueiro
Ano: 2016
Páginas: 304
Compre: Amazon
Classificação: 
Sinopse: O estranho aparece do nada e, com poucas palavras, destrói o mundo de Adam Price. Sua identidade é desconhecida. Suas motivações são obscuras. Mas suas revelações são dolorosamente incontestáveis.

  Adam levava uma vida dos sonhos ao lado da esposa, Corinne, e dos dois filhos. Quando o estranho o aborda para contar um segredo estarrecedor sobre sua esposa, ele percebe a fragilidade do sonho que construiu: teria sido tudo uma grande mentira?

 Assombrado pela dúvida, Adam decide confrontar Corinne, e a imagem de perfeição que criou em torno dela começa a ruir. Ao investigar a história por conta própria, acaba se envolvendo num universo sombrio repleto de mentiras, chantagens e assassinatos.

  Intrigante e perturbador, Não Fale Com Estranhos é mais que um suspense de tirar o fôlego. É uma reflexão sobre o bem e o mal, o amor e o ódio, o certo e o errado, os segredos, as mentiras e suas consequências devastadoras.
    A resenha de hoje é Não fale com estranhos de um dos maiores autores da atualidade: Harlan Coben, que é dono de vários livros que estão na minha lista mas esse ganhou preferencia devido ao fato de que ele virou uma série da Netflix e eu sou daquelas que gosta de ler antes de assistir para poder dar uma opinião do conjunto da obra.
       Na trama iremos conhecer Adam Price, que leva a vida que muita gente deseja: tem um bom trabalho, é casado com a mulher de seus sonhos e juntos tem dois ótimos filhos. E quando um estranho se aproxima de Adam e sem motivação alguma com poucas palavras faz seu mundo desabar e se questionar se toda sua vida teria sido uma mentira e ele estava sendo enganado. E ao resolver investigar por contra própria quem era o estranho e se todas suas palavras eram verdade, ele se envolve numa teia que traz uma série de desencadeamentos para a vida de Adam e sua família, e ele se vê em perigo no meio de chantagens, desaparecimentos e assassinatos.

      Eu amo tanto o suspense que esse autor consegue deixar e a vontade que faz com que o leitor queira devorar seu livro rapidamente para saber o que finamente houve, é o ponto alto da trama. Os personagens são envolventes e você fica tão focado na vida de Adam e o do estranho que você acaba até esquecendo da sua para saber como esses dois destinos foram se encontrando e qual a razão disso tudo.
      O especial da trama é que quando você acha que tudo vai ser resolvido, abre espaço para outro cenário com novas pessoas e te mergulha mais ainda no livro. A leitura é fluída e o autor consegue manter o ritmo até o final com a atenção completa do leitor. Tudo é sobre confiança, e como um segredo que você esconde acaba desencadeando uma tormenta na sua vida que leva a cenários perigosos e sombrios.
       O livro tem uma edição especial com a sobrecapa da série agora, mas é a edição típica de sempre da Arqueiro com uma diagramação tranquila para ler. Harlan Coben é o rei do suspense atualmente sem dúvidas alguma, e se você não leu algum livro do autor, a minha dica é que corra para ler.

 A SÉRIE: THE STRANGER

         Agora vamos falar um pouco sobre a série da Netflix que foi adaptada do livro e fez um enorme sucesso na plataforma. Já aviso que irá conter spoiler daqui para baixo, então se não quiser estragar nenhuma surpresa, recomendo que pare a leitura por aqui.


     O autor já havia escrito uma série especialmente para a Netflix, Safe (que recomendo super aliás), e foi um sucesso e então assim resolveram adaptar um de seus livros  contando com sua ajuda na direção. O elenco não tem nenhum famoso, mas alguns são conhecidos por atuarem outras séries e filmes não tão conhecidas e alguns vamos conhecer pela primeira vez, porém eu achei um bom elenco que souberem dar vida aos seus personagens e Richard Armitage arrasou no papel de Adam Price.
   A série possui muitas diferenças se comparada ao livro, particularmente achei os motivos e desenvolvimento do livro bem melhores pois eles causam mais surpresas; enquanto na série a trama acabou ficando previsível com algumas mudanças mas mesmo assim não perde sua qualidade e continua sendo brilhante de se assistir.


As diferenças entre livro e série:
  • No livro: O estranho é um homem;
    Na série: O estranho é uma mulher.
  • No livro: A trama se passa nos EUA;
    Na série: A trama se passa na Inglaterra.
  • No livro: O personagem do detetive Wesley Ross (Kadif Kirwan) não existe
    Na série: Ele faz a dupla de detetives principais da série, o que foi uma das melhores atuações da série. Ele é completamente autêntico e bem humorado e consegue destoar um pouco do lado sombrio.
  • No livro: Não há festa nenhuma de adolescentes.
    Na série: A festa da inicio a uma parte da trama relacionada aos adolescentes, e acaba sendo uma das partes mais chatas da série.
  • No livro: O pai de Adam não existe no livro, pois seus pais morreram quando ele ainda era adolescente.
    Na série: O pai dele acaba se tornando um dos principais pontos da trama, já que acaba sendo ligado ao estranho.
  • No livro: Não existe nenhum Martin Kilane, no livro se chama Michael Rinsky e ele é apenas um senhor que não quer se mudar de sua casa onde mora com sua esposa e é cliente de Adam. Por ser ex-policial ajuda Adam a obter algumas informações mas nada que altere o final da trama.
    Na série: Ele se chama Martin Kilane , e foi abandonado por sua esposa que fugiu levando sua filha há anos. O pai de Adam é responsável pela demolição de sua, e é ai que sua trama acaba sendo decisiva para a reta final da série.
  • No livro: O final segue uma reta um pouco diferente, e os estranhos não tem ligações diretas a nenhum dos personagens.
    Na série: A série adaptou o final fazendo que todos os pontos se ligassem através de conexões entre a família Price e a estranha.




Série: The Stranger - Não fale com estranhos
Temporadas: 1
Episódios: 8Duração: 42 minutos
Status: Finalizada
Paixometro:  ✮ 
Sinopse:  Quando segredos obscuros vêm à tona, o pai de família Adam Price (Richard Armitage) parte em uma busca desesperada e implacável pela verdade sobre todas as pessoas que têm algum nível de proximidade com sua vida.


Um comentário:

  1. Olá,
    Adoro os livros do Harlan e fico mega feliz dessas adaptações feitas, acaba dando oportunidade para outras pessoas conhecerem a obra do autor. Não achei esse livro o melhor dele mas gostei bastante. A adaptação eu ainda não assisti.
    Sabia das diferenças que havia entre elas, mas foi bom saber quais.

    Beijo!
    www.amorpelaspaginas.com

    ResponderExcluir



Topo