[Resenha] Quem era ela - JP Delaney

em 27 de nov. de 2019


Título: Quem era ela
Autora: JP Delaney
Editora: Intrínseca
Ano: 2017
Páginas: 336
Compre: Amazon 
Classificação: 
Sinopse: É preciso responder a uma série de perguntas, passar por um criterioso processo de seleção e se comprometer a seguir inúmeras regras para morar no nº 1 da Folgate Street, uma casa linda e minimalista, obra-prima da arquitetura em Londres. Mas há um preço a se pagar para viver no lugar perfeito. Mesmo em condições tão peculiares, a casa atrai inúmeros interessados, entre eles Jane, uma mulher que, depois de uma terrível perda, busca um ponto de recomeço.
Jane é incapaz de resistir aos encantos da casa, mas pouco depois de se mudar descobre a morte trágica da inquilina anterior. Há muitos segredos por trás daquelas paredes claras e imaculadas. Com tantas regras a cumprir, tantos fatos estranhos acontecendo ao seu redor e uma sensação constante de estar sendo observada, o que parecia um ambiente tranquilo na verdade se mostra ameaçador. Enquanto tenta descobrir quem era aquela mulher que habitou o mesmo espaço que o seu, Jane vê sua vida se entrelaçar à da outra garota e sente que precisa se apressar para descobrir a verdade ou corre o risco de ter o mesmo destino. Com um suspense de tirar o fôlego e um clima de tensão do início ao fim, JP Delaney constrói um thriller brilhante repleto de reviravoltas até a última página. Uma história de duplicidade, morte e mentiras.

[Resenha] Manson - Jeff Guinn

em 24 de nov. de 2019


Título: Manson
Autora: Jeff Guinn
Editora: Darkside
Ano: 2014
Páginas: 520
Compre: Amazon 
Classificação: 
Sinopse: Manson não é simplesmente uma biografia de um assassino e um líder de culto. É uma história da cultura norte-americana da Grande Depressão no final do século XX. Um estudo fascinante da abuso de poder, ambição, avareza, celebriphilia (um desejo intenso e patológico para se relacionar com uma celebridade), controle mental, mesquinharia, narcóticos, racismo e sexo É a história dos ex-presidentes Richard Nixon e Lyndon Johnson, da cultura lisérgica e de uma nação em processo de degradação, de Martin Luther King, do Vietnã, do movimento ativista estudantil da nova esquerda Students for a Democratic Society, dos Panteras Negras.

[Maratonando] The Purge (Uma noite de crime)

em 6 de nov. de 2019


Olá bookaholics,

     Eu sou super fã de filmes do gênero de terror, suspense, crime e mistério e uma das franquias que estão entre minhas favoritas é a: The Purge (Uma noite de Crime, em português). Atualmente ela é composta por quatro filmes e uma série, e se passa nos Estados Unidos em um cenário distópico onde os governantes (NFFA) em uma iniciativa para diminuir a criminalidade, criam o dia do expurgo que é nada mais do que 12 horas onde qualquer crime é legalizado, incluindo homicídio.
   O criador de todo esse mundo é James DeMonaco, que escreveu e produziu toda a trama. Entre os filmes temos : The Purge (2013), The Purge: Anarquia (2014), The Purge: Ano de Eleição (2016) e The first Purge (2018). E tem a série que atualmente é exibida pela Amazon Prime, The Purge criada em 2018 e está na sua segunda temporada.


Topo